quinta-feira, 7 de março de 2013

O A310 que até parecia um Antonov...

A falta de idas ao aeroporto, aliado aos dias ventosos que se têm feito sentir, conjuntamente com o recente tail strike de um A310 da Sata (ver AQUI) fizeram-me recuperar esta entrada que ainda se encontrava nos rascunhos, à espera de publicação...

Da última vez que estive em Ponta Delgada, não deixou de me chamar à atenção o facto de por vezes (....) as descolagens/aterragens serem feitas tendo mais em conta a direcção da origem/destino do avião, do que propriamente tendo em consideração o vento...

A descolagem deste A310 (CS-TGV) da Sata, foi um grande exemplo disso...

Placa de PDL, logo de manhã cedo...Satalândia, sem dúvida...
O CS-TGV efectuando push-back para sair em direcção ao Continente (Lisboa ou Porto...já não me recordo..)
O vento soprava forte, para utilização da pista 30 mas, como a cabeceira da 12 fica logo ali à saída da placa e essa era a pista com saída directa em direcção ao Continente...lá foi ele....
passagem na corrida de descolagem pela manga de vento, onde é bem visível a direcção e intensidade do vento...
Seria caso para um leigo dizer que o vento até empurra o avião (e se calhar até empurra...mas, não para cima....)
Confesso que a descolagem acabou por recordar-me aquelas famosas descolagens dos aviões russos, em que "comem" a pista toda e levantam com uma razão de subida muito "relaxada"....

Nenhum comentário:

Postar um comentário