terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Leituras: Vários...

Pois é, os mais atentos provavelmente reparam que finalmente já mudei ali do lado direito a leitura actual...

Acabei este fim-de-semana o excelente livro de Ulrich Steinhilper / Peter Osborne "Spitfire on my tail".
Altamente recomendado, afinal de contas, não são muitas as vezes em que temos a oportunidade de ter uma visão da II Guerra Mundial a partir da perspectiva de um comum piloto de caça alemão.
Aliás, muito mais do que isso, o livro é uma autêntica autobiografia de um rapaz comum que, vivendo no campo e não sendo mais que um qualquer alemão, cresceu com as vivências típicas da época, tornando-se um piloto da Luftwaffe.
Dá uma excelente visão da Alemanha e da vida do comum alemão ao longo desses anos, de uma forma que normalmente não se encontra nos livros de história por ser vivida e transmitida de uma forma muito pessoal.

Pelo meio, ainda interrompi a leitura deste livro para dedicar-me ao último do José Rodrigues dos Santos: "O último segredo".
Sendo um fã do escritor, confesso que esta obra desiludiu-me um pouco...
Divido o livro em duas partes claras: A parte em que ele nos apresenta uma "tese" de desmontagem do Novo Testamento e a outra, em que ele (tenta) encaixar isso num romance...
A parte do romance, foi a que me desiludiu claramente...na minha opinião, o pior dele, até hoje...
A parte de "tese", foi extremamente interessante, até porque o tema em si é algo que sempre me suscitou a curiosidade...
Claramente polémico, em especial num país de raízes tão Católicas como o nosso, o que é certo é que ele toca em alguns pontos bastante sensíveis e difíceis de explicar por parte da Igreja...
Sem querer entrar em polémicas, até porque sou defensor que cada um acredita no que quiser, desde que me deixe fazer o mesmo, recomendava que as pessoas lessem o livro e meditassem de espírito aberto sobre as ideias que o mesmo defende...(uma meditação inteligente e lógica...)

Entretanto, o livro que se segue e que comecei apenas hoje, foi-me trazido pela "Mãe Natal" e toca uma vez mais a temática da II Guerra Mundial e do Nazismo: "O Perfeito Nazi", de Martin Davidson, um historiador britânico que explora a vida do seu avó, após a descoberta que o mesmo pertenceu às SS.
Uma vez mais, parece-me interessante, precisamente pelo facto de permitir-me conhecer um pouco mais dos eventos de então, pela perspectiva pessoal de alguém tão comum como eu ou você...

Nenhum comentário:

Postar um comentário